Agora o Facebook também usa hashtags. Será que isso afeta o seu #MarketingDigital?

Notícia

por Alex Moraes

publicado em: 18/06/2013


Faça a experiência, digite na busca do Facebook #marketingdigital e você verá que, entre os resultados, agora eixste a categoria Hashtags. Assim como Twitter, Instagram, Pinterest, Vine e Tumblr, o Facebook passou a adotar as hashtags.

 

De acordo com comunicado do Facebook, de 12/6/2013, traduzindo: “...hashtags no Facebook permitirão que você adicione conteúdo a um post ou indique que ele é parte de uma discussão maior. Quando você clicar em uma hashtag no Facebook, verá o que outras pessoas e páginas estão dizendo sobre aquele evento ou tópico específico”.

Popularizado pelo Twitter, a hashtag vincula posts a assuntos específicos, você diz que quer que seu post seja considerado como seu input sobre um determinado tópico. Com a popularização das redes sociais, as empresas vinham mais e mais acompanhando resultados sobre lançamento de produtos, programações de tv, projetos políticos e toda forma de reação aos eventos mais diversos. Em se tratando de marketing, o acompanhamento das reações nas redes sociais tornou-se uma ferramenta poderosíssima, substituta potencial, mais que bem-vinda, das obscuras maquininhas que acompanham a audiência dos canais de TV ou as pesquisas de mercado.

As hashtags ajuda as pessoas a participarem de conversações públicas.

Apesar de o Facebook já ser largamente utilizado para o acompanhamento de eventos, programas e jogos, com o uso das hashtags, fica mais fácil você participar de discussões ou acompanhar temas de seu interesse. O comunicado segue, dizendo que: “as hashtags são o primeiro passo para ajudar as pessoas a descobrir mais rapidamente o que está sendo dito sobre um tópico específico e participar nessas conversações públicas. Nós continuaremos a acrescentar mais possibilidades em breve, incluindo lista das hashtags mais populares (leia-se trending topics, como o Twitter) e o aprofundamento desta possibilidade, que ajuda as pessoas a descobrir mais das conversações do mundo". São as grandes ideias do Twitter fazendo escola.

E então, como isso afeta sua estratégia de marketing nas mídias sociais? Logicamente, a categoria hashtags é mais uma opção de apresentar sua página às pessoas, mas há outras considerações importantes.

  • Note que o comunicado diz, como traduzido no parágrafo anterior (sublinhado): conversações públicas. Somente o que for dito em páginas públicas constará dos resultados. Ouvi daqui o resmungo do pessoal do marketing... Não, você não terá acesso a tudo que todos estão falando de seu produto na lista de hashtags. Para isso, continuará sendo necessário usar ferramentas mais elaboradas de monitoramento das mídias sociais.
  • Se você usa em suas propagandas impressas ou televisivas a hashtag #SeuProduto, essa campanha passa a fazer sentido no Facebook também.
  • Campanhas cruzadas em diferentes redes sociais (tweets que são automaticamente publicados no Facebook e vice-versa) passam a constar dos resultados de busca.
  • Fica mais fácil pesquisar hashtags de assuntos relacionados à sua área de atuação, a fim de participar das discussões oferecendo conteúdo relevante.
  • Criar uma hashtag específica em um evento de sua marca ficou ainda mais importante.

E aí, isso ajuda? Certamente são opções passíveis de uso, mas não considero que sejam meios capazes de grandes impactos. Acho que, com o tempo, e a publicidade dos trending topics (assuntos mais comentados), as hashtags ganharão maior importância no seu planejamento de marketing digital.

Eu escrevi há algum tempo um artigo sobre naming, como escolher o melhor domínio para o seu site. Nesse artigo eu falava que domínios com palavras-chave da sua indústria (marketingdigital.com.br, por exemplo) sempre seriam uma ótima opção. Na época não pensei sobre esse enfoque, mas as hashtags expõem muito esses domínios, se você simplesmente colocar a hashtag de seu site em cada post. Assim, eu poderia sempre incluir a hashtag #MarketingDigital em meus textos. Em tese, não será considerado spam por seu o nome de meu domínio e a inclusão de meus textos nos resultados é bastante provável, concorda? Outra ponto é que, como a lista de hashtags não é automaticamente apresentada (você tem que clicar para abrir a categoria hashtags) é grande a possibilidade de sua página estar bem localizada na categoria Páginas e a pessoa clicar em sua página antes mesmo de abrir a categoria hashtags. Veja a imagem a seguir.


E, por fim, duas observações:

  • Lembre-se que você nunca tem o direito de encher a paciência das pessoas. Terminar cada artigo com mil variações de hashtags pertinentes ao seu assunto não é uma boa ideia. Não queira ser o motivo para a criação da punição por hashtag spam. Assim, sobre o uso de hashtags do Facebook, use-as com moderação.
  • Não exceda na apresentação de suas hashtags, utilizando maiúsculas, chamadas excessivamente apelativas e, principalmente, evite controvérsias e afirmações falsas.

E você, o que acha? Por favor, comente!

Siga-nos no Facebook ou cadastre-se para ser informado de todas as nossas outras publicações. 

Participe, também, do grupo de discussão da MarketingDigital.com.br no Linkedin. O grupo é aberto e todos podem publicar conteúdo de marketing digital (exceto anúncios).


Alex Moraes é especialista em Marketing Digital, escritor e palestrante. É responsável pelo conteúdo, cursos e eventos da MarketingDigital.com.br, além do canal no Youtube, grupo no LinkedIn, página no Facebook e perfil no Twitter.